Impossível, uma questão de querer …

Ele não sabia que era impossível. Foi lá e fez.” 
Jean Cocteau

Esta é a melhor frase que define aquilo que por vezes enxergamos como impossível, mas um frase que se aplica a tudo em nossas vidas, profissionais, pessoas e até mesmo afetivas.

E assim lá em 29/01/2006 começa a trilhar meus kms como corredor de rua, foram os mais longos 7km de minha vida, me lembro bem de cada detalhe daquele dia, tempo chuvoso e até frio, mas aquele dia marcou em definitivo minha virada de vida, passando de um sedentário e obeso, para um corredor, nadador e biker.Impossivel não existe

Nestas mais de 150 provas, para trás deixei mais de 35 quilos, e pelo caminho conquistei amigos, auto estima e conquistas pessoais, descobri que a maior luta é contra mim mesmo, onde o sedentário interior gritava e clamava para que eu parasse, mas fui adiante.

Confesso que em muitas vezes durante as provas e desafios aos quais me propus a encarar, pensei que nunca mais faria aquilo, mas a cada chegada o sentimento era de querer a próxima e a próxima.  Proxima Corrida

Algumas provas foram marcantes e até hoje me trazem o legado de perseverança e superação, em 2008 em minha primeira maratona com meu amigo Mauricio, dentro da USP lá pelos 27km, estávamos quase desistindo, e quando do nada eis que surge uma japonesinha pequena em estatura, mas grande em determinação, com seu braço direito engessado e nós dá uma sonora bronca, literalment

e nos ordenando para não desistir, esta pessoa era nada mais nada menos que Tomiko Eguchi ULTRAMARATONISTA, e com aquele incentivo não tinha espaço para a desistência, concluímos os 42km em 04:45:22 com uma chegada repleta de emoção e glória.Maratona de Sâo Paulo

 

São momentos impagáveis e que somente os que vivem o esporte, tem ideia dos motivos que nós fazem levantar as 05h00 da madrugada para correr, o quanto ficamos irados quando perdemos um treino, por conta do trabalho ou por outros assuntos e o quanto vale cruzar a linha de chegada e ter aquela medalha em torno do pescoço.

Maratona de Sâo Paulo Chegada

E mesmo após 151 provas, ainda sinto aquele frio na barriga antes de uma largada, onde os batimentos sobem e quando é dada a largada nós transformamos em estrategistas com um único proposito cruzar a linha de chegada e trazer para casa mais uma conquista pessoal.

Para mim o momento mais sublime do ano e correr a Corrida de São Silvestre, onde km a km passa um filme em minha mente de tudo que corri naquele ano, de todos os desafios e superações que vivi e chegar na avenida Paulista sempre será o momento máximo do ano.

Bem e lá se foi a Centésima Quinquagésima Primeira, espero que venham muitas outras com bons momentos de determinação e superação, pois nesta corrida chamada vida, espero que ao final eu possa me considerar um campeão!

Corrida SESI SP

 Sucesso Sempre e Ótima semana!

Deixe seu comentário ...