Roberto Itimura estará entre os 25 atletas na Corrida Medtronic Twin Cities …

Após superar três infartos, brasileiro estará entre os 25 atletas usuários de dispositivos médicos que participarão da corrida Medtronic Twin Cities, nos Estados Unidos Este é o terceiro ano em que o Brasil é representado no programa Global Heroes.Roberto Itimura, de 53 anos, possui cinco  pontes de safena e um stent e correrá a prova de 16 quilômetros . 

São Paulo, agosto de 2014 – Vinte e cinco corredores de longa distância que se beneficiam de alguma tecnologia médica serão homenageados como Global Heroes (heróis globais) ao participarem no dia 5 de outubro, da Maratona Medtronic Twin Cities/ Medtronic TC Mile 10  (corrida de 10 milhas/ 16 quilômetros) em Minneapolis, nos Estados Unidos.

Roberto ItimurRoberto

A equipe deste ano é composta por atletas de dez países: Austrália, Brasil, Canadá, China, Colômbia, Israel, Itália, Suíça, Reino Unido e Estados Unidos. Cada corredor tem um dispositivo médico para o tratamento de condições crônicas como doenças cardíacas, diabetes, problemas de coluna, dores crônicas e distúrbios neurológicos. A Medtronic lançou o programa Global Heroes em 2006 para comemorar as realizações e paixão por correr desses atletas, que superaram os problemas de saúde e servem como inspiração para outras pessoas que vivem com doenças crônicas.

O programador de manutenção, Roberto Itimura, de 53 anos e representante brasileiro na prova, possui um stent para o tratamento da artéria coronária. Em 2005, recebeu um diagnóstico com expectativa de vida de 5 a 10 anos. Casado e pai de três filhas, a trajetória desafiadora de Roberto começou ainda na infância, quando sofreu um acidente que o deixou entre a vida e a morte e o fez perder parte dos membros da mão direita.

Roberto possui uma doença cardíaca grave e progressiva, em 2004 passou por uma cirurgia onde precisou colocar cinco pontes de safena. Um ano depois, após complicações na cirurgia, ele foi submetido a uma angioplastia onde colocou um stent em uma das safenas e perdeu outras duas. Ao longo desses anos, ele sofreu três paradas cardíacas e possui hoje apenas 56% do coração em funcionamento, mas encontrou na corrida a sua motivação de vida. Apesar de todos obstáculos vividos, Roberto já completou três grandes maratonas e se tornou inspiração para muitas pessoas portadoras de necessidades especiais.

“Sempre gostei de assistir jogos olímpicos e ver os maratonistas correndo, ficava deslumbrado com a performance desses atletas, mas nunca imaginei que um dia teria este gosto. Hoje, a corrida faz parte da minha vida, não corro para baixar tempo e não tenho pretensão de conquistar podiuns, corro por prazer, pois sei que ela me traz saúde e me faz sentir livre”, afirma Roberto. “Passei por momentos muito difíceis na minha vida e continuo convivendo, a lição aprendida é que nunca devemos perder a esperanças, apesar do problemas que temos, sejam doenças cardíacas ou qualquer outra doença diagnosticada. Descobri nas corridas de rua o meu momento de prazer, de poder me realizar e conquistar minhas novas metas”, completa ele.

A seleção dos Global Heroes é realizada pela Twin Cities In Motion, uma organização sem fins lucrativos, que realiza a corrida e a maratona. A Medtronic Foundation custeará a inscrição e as despesas de viagem dos participantes selecionados.  “O objetivo do programa é mostrar para as pessoas que mesmo sendo portadoras de uma doença crônica e usuárias de uma tecnologia médica, elas podem seguir com seus sonhos e viver uma vida ativa e plena,” afirma Oscar Porto, diretor-geral da Medtronic no Brasil. “Estamos contentes por mais uma vez ter representantes do nosso país neste importante evento,” complementa.

Participantes da Maratona Medtronic Twin Cities 2014 pelo programa Global Heroes:

Molly Dicroce, Arvada, Colorado – possui um implante para tratamento de doença degenerativa da coluna e disco lombar

Jason Dunn, Smithville, Missouri – possui um stent para o tratamento de doença arterial coronariana.

Gillian Forsyth, Chicago, Illinois – é usuária da bomba de insulina para controlar o diabetes Tipo 1.

Kent Grelling, Orinda, California – possui uma válvula cardíaca artificial e um conduto para tratar uma aorta bicúspide congênita e aneurisma de aorta ascendente.

Lynn Hall, Lafayette, Colorado – possui um neuroestimulador para controlar a dor crônica.

Kristen Hallock-Waters, Tabernacle, New Jersey – possui um marca-passo para o tratamento do síndrome do nódulo sinusal do coração.

Roberto Itimura, Jundiai, Brazilpossui um stent para o tratamento de doença arterial coronariana.

Dawn Kenwright, Lampeter, United Kingdom – é usuária da bomba de insulin para controlar o diabetes Tipo 1.

Luis Moreira Da Silva, Neuchâtel, Switzerland – possui uma válvula cardíaca artificial para tratar aneurisma da aorta ascendente e estenose aórtica bicúspide na válvula.

Saci Mowinski, Tecumseh, Ontario, Canada – é usuário da bomba de insulina para controlar o diabetes Tipo 1.

Joshua Simon, Key Biscayne, Florida – possui uma válvula para tratar hidrocefalia.

Amanda Zullo, Saranac Lake, New York – é usuária da bomba de insulina para controlar o diabetes Tipo 1.

Participantes da corrida TC Mile 10 pelo programa Global Heroes 2014:

Monika Allen, San Diego, California – possui uma válvula para tratar hidrocefalia.

Brad Ashfield, Haddon Township, New Jersey – possui uma gaiola lombar para corrigir um disco vertebral rompido e um stent para o tratamento de doença arterial coronária.

Rachel Bishop, Holland, Michigan – possui uma válvula cardíaca artificial para tratar uma aorta bicúspide congênita e aneurisma de aorta ascendente.

Gabriel Estrada Mejia, Bogota, Columbia – é usuário da bomba de insulina para controlar o diabetes Tipo 1.

Roger Frisch, Plymouth, Minnesota – possui estimulação cerebral para ajudar a controlar os sintomas do tremor essencial.

George Gilbert, Cuffley, United Kingdom – possui uma válvula cardíaca artificial para tratar regurgitação aórtica bicúspide.

Kimi Hall, Southlake, Texas – possui um marca-passo para o tratamento de arritmia causada por bloqueio cardíaco.

Geoff Henderson, Binalong, Australia – possui um marca-passo para o tratamento do síndrome do nódulo sinusal.

Jiao Fei, Sanmenxia City, China – possui um estimulador cerebral para ajudar a controlar os sintomas da doença de Parkinson.

Carrie Romero, Columbia, Tennessee – possui um cardioversor desfibrilador implantável (CDI) para o tratamento de cardiomiopatia.

Alana Savage, Edmonton, Alberta, Canada – possui um dispositivo oclusor septal para tratar um defeito do septo atrial.

Carolin Suhayda, Roma, Italy – possui um marca-passo para o tratamento do síndrome do nódulo sinusal.

Guy Yohanan, Givat Ela, Israel – possui um estimulador cerebral para ajudar a controlar os sintomas da doença de Parkinson.

 

Desejamos uma ótima prova a este grande corredor, e como dizemos por aqui “Sucesso Sempre, Roberto Itimura.”

 


Sobre o programa Global Heroes
Uma iniciativa entre a Twin Cities In Motion e a Medtronic Foundation, o programa Global Heroes reconhece corredores de todo o mundo que têm um dispositivo médico para o tratamento de condições como doenças cardíacas, diabetes, dor crônica, e problemas de coluna e neurológicos, independente de marca ou fabricante.

Sobre a Maratona Medtronic Twin Cities
Conhecida como The Most Beautiful Urban Marathon in America™ (a maratona urbana mais bela da América), a Maratona Medtronic Twin Cities é um evento de atividades físicas que tem duração de três dias e inclui o grupo de corridas  Medtronic TC (5K, 10 Mile e a maratona). Twin Cities In Motion é uma organização sem fins lucrativos, responsável pela realização da Maratona Medtronic Twin Cities. Para mais informações acesse www.TCMevents.org.

Sobre a Medtronic e Medtronic Foundation
A Medtronic é líder mundial em tecnologia médica e todos os anos milhões de pacientes se beneficiam da tecnologia Medtronic para aliviar a dor, restabelecer a saúde e prolongar a vida. A Medtronic Foundation está comprometida com a melhora da vida das pessoas que convivem com doenças crônicas e por isso seus subsídios focam em três áreas principais: saúde, educação e comunidade

 
 
Fonte : Edelman do Brasil | Juliana Ugarte: (11) 3060.3367 – [email protected]

 

Deixe seu comentário ...